RSS

Copa do Mundo: somente futebol?

17 jun
Copa do Mundo 2010 Logotipo

Copa do Mundo 2010 Logotipo

Tem bastante tempo que eu não escrevo aqui, mais precisamente seis meses. E estou retornando exatamente para falar de um assunto que eu nem entendo bem: futebol. Na verdade, não vou falar de futebol, isso eu deixo para os fanáticos que acompanham a dança das cadeiras de técnicos e jogadores e sabem dizer até a cor da trava da chuteira do zagueiro do seu time. Vou falar um pouco de Copa do Mundo. Aí alguém vai dizer: mas Copa do Mundo é futebol! Concordo. Mas é só futebol? Acho que não…

Na minha opinião o maior campeonato do velho esporte bretão é muito mais do que bola rolando durante 90 minutos e 22 homens correndo atrás dela. Trata-se de um duelo de nações, cada qual vestida com seu brasão, ostentando suas cores (ainda que algumas cores sejam totalmente estranhas às bandeiras) e levando, em cada um dos jogadores, um pouquinho do que é pertencer àquele país. O próprio estilo de jogo, o comportamento dos jogadores em campo e o biótipo de cada um é um reflexo da cultura e da etnia da nação que representam.

Então alguém vai gritar: mas não é bem assim, a Alemanha agora tem negro em campo! Ela e mais um monte de outros países está cheia de estrangeiro. A Alemanha provavelmente é o exemplo mais claro, pois tem espanhol, turco, polonês e brasileiro. Mas isso, é só mais uma forma de o futebol refletir o mundo globalizado em que vivemos. Os povos estão cada vez mais misturados e o fenômeno da aldeia global é uma realidade mais próxima do que podemos imaginar.

As Vuvuzelas só não são mais chatas do que o Galvão

As Vuvuzelas só não são mais chatas do que o Galvão

Mas saindo das quatro linhas, uma copa do mundo é uma época de aprendizado. Sim, de aprendizado! Nunca se falou tanto em África. Para aqueles que não conheciam a história maravilhosa de Mandela, é uma oportunidade de se conhecer o Madiba, um dos grandes homens da história humana. E não só da África, mas acabamos sabendo um pouquinho de cada um dos povos que está disputando a competição. Um pouco de sua língua, de seus costumes e de sua história. E a quantidade de termos a que temos que nos acostumar. É Vuvuzela (ô treco chato), é Bafanabafana, é Jabulani (o nome significa Celebrar) e por aí vai. Até CALA A BOCA GALVÃO virou um termo a ser aprendido pelo resto do mundo.

E o bom de Copa é que é permitido a qualquer um torcer. Você não precisa saber o nome de todos os jogadores, conhecer os trejeitos dos comentaristas e o significado de todas as gírias futebolescas para ficar de olho quando a bola rola. É, eu sei que a vezes fica chato pra caramba ter do seu lado aquele cara que nunca assistiu a um jogo de futebol dando pitaco, mas vale pelo espírito agregador, a capacidade de juntar um país inteiro em torno de um aparelho de TV, todos apreensivos, esperando o momento de gritar Gol!

Acho que copa do mundo é isso, é muito mais do que simplesmente futebol. Até porque, nesta Copa até agora o futebol está em falta… 🙂

Anúncios
 
2 Comentários

Publicado por em junho 17, 2010 em Inutilidades, Opinião

 

Tags: , , , , , , , ,

2 Respostas para “Copa do Mundo: somente futebol?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: