RSS

Caelestis

31 jul
Imagem do interior do Crepúsculo 3ª edição

Imagem do interior do Crepúsculo 3ª edição

Este é o segundo conto de introdução do Crepúsculo 2ª Edição – Caelestis – na próxima semana entra no ar o Humanus. Divirta-se e comente.

CAELESTIS

Hoje faz quase dois mil anos que Meu Filho foi enviado aos mortais para ensinar-lhes Meus Mandamentos. Quase dois mil anos em que fomos vitoriosos na primeira grande batalha. Subestimei o inimigo, imaginando que isso seria o fim da guerra. Foi apenas o primeiro conflito, apenas o último sinal para que a Profecia se confirmasse e tivesse seu início.

Numa data em que se comemora nossa primeira vitória, em que Meu espírito deveria ser exaltado, lá está o inimigo. Com suas garras frias e longas e seus tentáculos, ele corrompe, ele tenta, ele faz o próprio espectro enaltecer a alma dos afoitos. Não obstante, provoca a discórdia no mais puro dos corações, cria pecadores, destrói a paz e vibra ao ver que me afeta.

Apenas as almas mais sábias conseguem sentir o verdadeiro caminho, a verdadeira salvação. E, mesmo tendo alguns desses se organizado e conclamado Meu Santo nome em socorro, o inimigo sobrevive invadindo Meus séqüitos com sua lábia lúgubre, mas tentadora.

Ainda assim existe a resistência! Os povos se purificam e buscam para si um pouco de Minha essência. Cada qual a sua própria maneira, seguindo seus enlaces culturais e suas tradições. Guiando-se pela verdadeira estrada da fé, mas tropeçando em obstáculos torpes que confundem sua orientação e infectam sua vontade com sentimentos impuros, fazendo reinar a guerra.

A guerra se aproxima novamente. Mais uma vez é tempo de enfrentar os malefícios do Crepúsculo. O palco é o mesmo, mas está mudado. O número de combatentes se ampliou de forma assustadora, e a tecnologia comanda as nações. Muito do que se passou nos séculos anteriores foi esquecido, e a descrença será a grande fatalidade.

Mas a Profecia sobrevive… Não há meios de parar esta contínua sucessão de acontecimentos. Estava escrito antes do início dos tempos, criado por esferas superiores mais complexas e não menos duais e conflituosas.

Infelizmente é chegada a hora de revelar os segredos, de mostrar a verdade aos mortais e de enviar meus generais em combate. Muitos darão suas vidas neste momento de fervor e apreensão, muitos se vangloriarão e muitos apenas sobreviverão para mostrar a seus próximos que lado seguir.

O tempo cobra seu preço. Foram seiscentos e sessenta e seis anos de preparação, de uma trégua armada em que havia a esperança do fim, bem como sentimentos ambíguos.

Que a profecia não esteja correta! Que algo possa ser mudado! Pois, mais uma vez, se repete. Mais uma vez, o mundo estremece ante o Meu olhar e o dele.

O IV Crepúsculo se inicia…

Para saber mais sobre o RPG Crepúsculo visite o site da Conclave Editora.

Anúncios
 
9 Comentários

Publicado por em julho 31, 2006 em Contos

 

Tags:

9 Respostas para “Caelestis

  1. fosco

    outubro 29, 2008 at 4:24 pm

    Humm… ^^
    Bacana as pampas. Eu já li algumas materias sobre Crepusculo, mas nunca li o livro em si (apesar de quase te comprado certa vez…).
    Interessante, a hambientação é baseada em q?

    Fosco

     
  2. Cristiano Cuty

    outubro 29, 2008 at 4:25 pm

    Olá Fosco, trata-se de um ambientado no presente, onde uma Guerra Santa Urbana está sendo travada. Isso faz com que o Crepúsculo tenha todos os elementos da guerra santa que nós já nos acostumamos a assistir na realidade (Bin Laden etc.), somado ao renascimento de várias órdens religiosas, seitas e sociedades secretas da idade média agora, em nosso tempo e à existência de criaturas, poderes divinos, Anjos e Demônios.
    Essa é uma explicação bem básica. Se quiser saber um pouco mais veja o release do livro: http://www.editora.conclaveweb.com.br/modules/xt_conteudo/index.php?id=22 ou a resenha feita pelo Newton Nitro: http://www.editora.conclaveweb.com.br/modules/news/article.php?storyid=27.

    Crepúsculo já possui os suplementos: Liber Des Ritae (livro de magia) e Legado de Nosphoros (sobre criaturas sobrenaturais); além das aventuras Mônaco, Náchod, Mohenjo-daro e Misericórdia.

    Qualquer dúvida, entre em contato.

     
  3. newtonrocha

    outubro 29, 2008 at 4:26 pm

    A ambientação é muito legal fosco, dê uma lida na minha resenha do livro nesse link:

    http://www.rederpg.com.br/portal/modules/news/article.php?storyid=1688

     
  4. newtonrocha

    outubro 29, 2008 at 4:27 pm

    hahahaha!!! Cristiano, depois dê uma olhada na adaptação que fiz para a série Sobrenatural, deverá sair na DB 122 ou 123.

     
  5. Cristiano Cuty

    outubro 29, 2008 at 4:28 pm

    Fala Nitro! Eu estava me preparando para fazer uma adaptação do Sobrenatural para Crepúsculo! Você intimado 🙂 a fazer essa adaptação para Crepúsculo tb!!

     
  6. newtonrocha

    outubro 29, 2008 at 4:30 pm

    A da DB está para Storytelling e Daemon. Fiz os primeiros 7 monstros da série! Fica fácil para passar para Clavius.

     
  7. Fosco

    outubro 29, 2008 at 4:31 pm

    Bacana, o q eu li até hj fala sobre o cenário bem superficialmente.
    A resenha explicar melhor. ^_^
    Realmente, sobrenatural se encaixa com o cenário. ^^

     
  8. newtonrocha

    outubro 29, 2008 at 4:31 pm

    Fosco, dê uma olhada nos livros da série Vikings da Conclave. São fantásticos, além de terem a arte do melhor ilustrador de fantasia do Brasil atualmente!
    http://www.editora.conclaveweb.com.br/modules/xt_conteudo/index.php?id=4

     
  9. fosco

    outubro 29, 2008 at 4:32 pm

    *.*
    Eu vi o livro sexta-feira, tá lindão!
    Pena que no momento eu não disponho de unidade monetárias suficientes para adquirir tal obra RPGística… ¬¬
    Fica p/ o mês q vem \o/

     

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: